fbq('track', 'CompleteRegistration');
Buscar

Se vestir bem não deveria ser sua última opção

Eu sei que, para você, estar bem vestida pode ser algo inalcançável, mas eu posso te garantir que esse objetivo é perfeitamente comum entre algumas mulheres e eu vou te explicar como você pode deixar essa dificuldade de lado e seguir seu caminho com estilo, estando sempre (sim) bem vestida.


É claro que para uma mulher que se acostumou a se vestir com aquele uniforme sem graça ou com a primeira roupa que vê no guarda-roupa lotado, se vestir bem é algo que não é normal.

E tem outro fator que dificulta mais ainda a jornada de construção do estilo pessoal, achar que moda é coisa de gente fútil.

Vamos lá então ver o que significa futilidade.


>>> Coisa sem valor, pequena; insignificância, ninharia. <<<


Agora eu gostaria muito que você fizesse uma reflexão bem sincera em frente ao espelho. Você é algo sem valor e insignificante? A imagem que você gostaria de passar para as outras pessoas é assim?

Você não precisa da opinião dos outros para ser feliz, mas deve sim ser quem você quiser, uma mulher bonita, atraente e bem vestida, porque não? Isso não é futilidade.

Muita gente que não consegue o que quer, ou não conseguiu ter a imagem que gostaria, porque dá trabalho, começa a dizer esses absurdos e o pior, começa a propagar.


A sua imagem de mulher bem vestida não deveria ser sua última opção em hipótese alguma.


Eu sei que muitas mulheres que são mães, acabam deixando de lado algumas tendências, estilos e particularidades por conta dos filhos. É normal priorizar os filhos e você não deveria ser perseguida por isso. Mas você pode tomar algumas decisões hoje para não se perder por completo depois. Dá para reverter? Sempre dá, mas vai dar mais trabalho do que exercitar algumas coisas ainda hoje.


Então filho não pode ser a sua desculpa, nem tempo, muito menos dinheiro. Existem mães que fazem tripla jornada com pouco dinheiro e que ainda sim conseguem ter uma imagem alinhada às suas expectativas, não coloque obstáculos no caminho em que seus objetivos estão, certo?



Antes de tudo volte duas casas e trabalhe mais a sua autoestima. Sua imagem é única e precisa sim estar alinhada às suas expectativas. Você pode sim se inspirar no Pinterest, por exemplo, mas deve seguir o seu caminho, a sua jornada deve ser única, porque você é única.


Deixe de seguir perfis que te fazem mal no Instagram, aquelas que têm sempre a vida perfeita, o corpo ideal e padrão que você não tem (e pode nunca ter).


De acordo com o estudo da instituição Royal Society For Public Health, o Instagram é a rede social que mais prejudica a saúde social de seus usuários. Para as pessoas entrevistadas, o Instagram é a plataforma que mais influencia o sentimento de comunidade, bem estar, ansiedade e solidão, seguido das redes Snapchat, Facebook, Twitter e YouTube, respectivamente.

Sabe o que acontece? As postagens são tão “perfeitas” que você acaba ficando com medo de postar uma foto em que seu cabelo esteja com frizz, ou sem maquiagem. A sua foto tem que estar perfeita e é exatamente aí que as coisas começam a desandar.


Eu posso apostar que você compra roupas para ficar perfeita como alguém que você viu no Instagram ou no Pinterest. Não precisa ter vergonha, você não é a primeira e (infelizmente) não vai ser a última. E já que você identificou um problema, está na hora de resolvê-lo, certo?


Vamos lá então…


Eu uso a palavra perfeito pouquíssimas vezes na vida, porque eu realmente não acredito em perfeição, acredito sim que estamos sempre em movimento e mudanças a todo instante e o que é perfeito para mim pode não ser perfeito para você. Quando eliminamos esse peso, essa carga super pesada da perfeição, as coisas começam a andar e você consegue eliminar várias crenças que te limitam a não buscar o seu estilo tão sonhado.


Mas porque estou falando tudo isso? Por que quando você não consegue se vestir bem por alguma dificuldade, você busca referências a fim de te ajudar, nas redes sociais e acaba alimentando o abismo entre você e seu estilo. Calma que vou te explicar o porquê.


A dificuldade paralisa, e assim você acaba achando intuitivamente que não é tão necessário assim se vestir bem, ou construir seu estilo tão sonhado. Pior, você acaba achando que deve ser coisa de gente fútil e deixa seu sonho como última opção.

Eu sei que bate aquela inveja das mulheres que se vestem bem e sabem o que estão fazendo, eu já me senti assim, afinal eu usava um uniforme sem graça.


Mas você já percebeu que está em um ciclo vicioso? Você não muda, se frustra, reclama, culpa os outros, tenta de novo do mesmo jeito e se frustra de novo… Se você não colocar um basta nisso hoje, a tendência é que você continue nesse ciclo por muuuito tempo. E reclamar não vai te levar a lugar nenhum, invejar sua amiga muito menos, ela não vai deixar de se vestir bem só porque você não consegue.


Vou te dar 2 passos rápidos para você deixar essa besteira de futilidade de lado e começar a virar o jogo na sua caminhada, vamos lá?


1. Só tenha roupas que você se ache incrível


Eu sempre falo isso, e vou repetir quantas vezes forem necessárias. Esse tipo de roupa te empodera, te deixa mais feliz e dessa forma você fica mais confiante. Sabe que está com a imagem que quer transmitir, isso é super importante. Quando todas as peças do seu guarda-roupa são assim, você naturalmente começa a encontrar seu estilo, se vestir melhor e se sentir bem com você mesma. E aí eu te pergunto, o que te impede de só ter roupas incríveis no seu armário? Seja sincera.



2. Mantenha-se fiel ao seu gosto pessoal (mesmo que ainda não saiba seu estilo)


Eu falo de forma categórica, não adianta usar as tendências que não tem nada a ver com você ou com o seu estilo de vida. Será mais uma peça com etiqueta no seu armário. Quando você sabe de verdade as roupas e acessórios que você gosta, fica muito mais difícil errar no look ou se vestir mal.

E outra coisa, não tem a menor importância se você curte algo que não está na moda, é exatamente isso que vai fazer com que seu estilo fique interessante.


Eu sempre vou falar do autoconhecimento por aqui, não deixe de se vestir bem por causa da opinião alheia, ou porque alguma coisa está ou não nas tendências. Para começar a construir o seu estilo e imagem de poder é necessário que você se desligue das opiniões do mundo e use somente aquilo que te faz bem, feliz e transpareça a sua personalidade.


27 visualizações
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Pinterest Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2020 by Marcela Damazo